21 2523.1610

Notícias

15/06/2020

COBRANÇA DE LIVES PATROCINADAS

Como se sabe, as lives patrocinadas, disponibilizadas por meio de redes sociais e/ou plataformas digitais, assumiram destacada relevância para o meio artístico, transformando-se em verdadeira atividade econômica.

No caso, o Ecad (Escritório Central de Arrecadação e distribuição) e a Ubem (União Brasileira de Editoras de Música) representam duas modalidades de direitos autorais distintas. Ao Ecad cabe cobrar o direito de execução pública musical presente nas lives, enquanto os editores associados da Ubem cobram pela associação de obras musicais a marcas, serviços ou produtos em ações publicitárias.

Nesse cenário, as entidades que subscrevem o presente informam que as respectivas cobranças serão realizadas da seguinte forma:

a) o ECAD, em caráter excepcional, reduz sua remuneração para 5%, percentual relativo à execução pública, quando a live tiver patrocínio até o dia 30 de dezembro 2020. Após esta data voltaremos aos valores previstos em regulamento.

b) os editores associados à UBEM, em caráter excepcional, reduzem sua retribuição para 5%, percentual relativo à receita de publicidade ou ações publicitárias obtidas com cada live, quando houver patrocínio de alguma(s) marca(s), pro rata às obras controladas pelos associados da UBEM.

Informamos que estes valores estarão em vigor a partir de 10 de junho de 2020 até o dia 30 de dezembro de 2020.

Entre em contato com cada entidade para o licenciamento de cada direito por meio dos seguintes e-mails:

ECADUBEM-

iris_rocha@ecad.org.br

ubem@ubem.mus.br

ou

servicosdigitais@ecad.org.br

Ambas as entidades atuam em defesa da música e se orgulham do propósito de garantir e defender os direitos da classe artística musical.

Ecad e Ubem são entidades privadas, sem fins lucrativos, dedicadas a resguardar os direitos de seus titulares de forma a permitir que possam viver do seu trabalho. Conheça nosso trabalho nos sites https://www.ecad.org.br e http://www.ubem.mus.br